Menu de Cima

Universidades investem em segurança de dados

Dino_SchwingelOs recentes casos de ataques cibernéticos e fraudes em instituições de ensino superior no país motivaram universidades brasileiras a buscar ferramentas de segurança da informação para a proteção de dados internos e para garantir a qualidade dos serviços prestados à população e à comunidade acadêmica. Uma das soluções adquiridas por universidades do estado de São Paulo é o software HORACIUS, da empresa E-TRUST. Com ele é possível adaptar todas as funções para as reais necessidades de cada instituição.

“Um ambiente acadêmico é de abertura de informações. A ideia é que elas circulem o mais livremente possível, mas, ao mesmo tempo, uma universidade se comporta de forma parecida com uma empresa, pois existem sistemas de retaguarda iguais aos de outras organizações. E isso tem que pesar de forma muito delicada num ambiente acadêmico para não haver cerceamento da divulgação e da troca de informações livre, que devem sempre ocorrer”, comenta o CEO da E-TRUST, Dino Schwingel.

Recentemente, a empresa fechou contrato com a Universidade Presbiteriana Mackenzie, localizada na capital paulista, para fornecer serviços de segurança da informação para os sistemas internos utilizados por funcionários. “A princípio o HORACIUS será implantado na área de controle de funcionários e na área de eventos, ou seja, os visitantes da universidade poderão contar com acessos automatizados”, explica o coordenador do setor de segurança da informação da universidade, Marcio Freitas.

Um dos fatores que motivou a implantação do sistema de segurança foi o alto número de chamados abertos por funcionários para solucionar problemas relacionados à concessão de acessos. Segundo Freitas, “sem dúvidas, algo muito importante que o HORACIUS nos permitirá é a revisão dos acessos. Esse será o principal ganho em segurança. A automatização dessa tarefa foi uma das principais razões por termos escolhido o sistema”. Todas as funcionalidades técnicas do programa devem ser implantadas até o final deste semestre e a expectativa é que o HORACIUS seja adotado no controle de acessos dos alunos.

Segurança e Produtividade – Outra instituição de ensino que também investiu no software da E-TRUST foi a Universidade Anhembi-Morumbi, em São Paulo. Implantado há três anos, o sistema conseguiu atender as premissas impostas pela instituição. “O principal diferencial do HORACIUS é a facilidade com que podemos administrar a ferramenta e customizá-la. Por meio dela foi possível encerrar os problemas de auditoria interna e controles referentes a acessos, conferindo mais confiança na gestão de identidade dos colaboradores, uma vez que todo o processo de concessão, revogação e revisão de acessos foi automatizado através dos conectores”, esclarece o responsável pelo sistema na Anhembi-Morumbi, Henrique Lucena.

Segundo Lucena, os principais ganhos de produtividade foram percebidos na governança de acessos. Antes o prazo de autorização para que os novos colaboradores pudessem acessar os sistemas internos variava entre 5 e 7 dias, agora o tempo de espera é de 12 horas. Além disso, a revisão de acesso, que demorava de 45 a 90 dias, passou para apenas 7 dias. O CEO da E-TRUST comemora. “As autorizações passaram a ser realizadas 10 vezes mais rápidas e as revisões demoram, no mínimo, um sexto do tempo inicial. Além de mais seguro o software possibilita ganho de tempo e redução de custos, já que as horas produtivas despendidas nessas tarefas podem ser redirecionadas”.

A E-TRUST fornece soluções customizadas para que as empresas protejam seus sistemas e informações sigilosas. A mais nova versão do software Horacius, o Horacius Cloud, é projetada para atender e sanar as deficiências de segurança da informação de organizações de todos os  portes e segmentos, de forma customizada, e em nuvem. Além de poder ser integrado a qualquer sistema de recursos humanos, ele também permite o gerenciamento de sistemas internos como  SAP, AD, Exchange e Servidor de Arquivos.

0Shares