Menu de Cima

Archive | ciberdefesa

usairforcef2

Defesa americana está vulnerável a ciberataques

Algumas das armas mais modernas do sistema de defesa dos EUA não passam nos testes de resistência a ataques cibernéticos. Essa é a principal descoberta do Government Accountability Office (GAO), agência do governo americano que fiscaliza o Congresso, revelada num relatório publicado ontem, A lista de problemas inclui senhas que foram adivinhadas em segundos, outras […]

159Shares
Continue lendo
aviation

Sistemas vulneráveis em pleno vôo

O pesquisador Ruben Santamarta, da empresa IOActive,  fez em novembro passado um vôo entre Madri e Copenhague pela Norwegian. Durante o trajeto, decidiu usar o Wireshark para estudar o Wi-Fi em voo da aeronave. Além de descobrir que as portas de Telnet, FTP e web estavam disponíveis para certos IPs, descobriu que uma página de […]

12Shares
Continue lendo
Eder Luis

Oficial do Exército alerta sobre a vulnerabilidade de servidores

O Cyber Security Summit Brasil 2018, evento que reuniu a cúpula mundial da segurança cibernética no sábado passado (28/7), em São Paulo, contou também com a participação do Oficial do Exército Brasileiro Eder Luis. O oficial iniciou o debate abordando como hackers invadem e comprometem servidores com proteção de Shell enjaulado. No início da palestra, […]

26Shares
Continue lendo
IMG_20180727_140449

Especialista britânico pede menos compliance e mais segurança

Empresas de todo mundo passaram a adotar um discurso sobre a questão da cibersegurança, no qual defendem padronizações e maior segurança. No entanto, pouco elas têm feito para criar e manter padrões significativos que evitem ou que respondam de forma eficientes a esses ataques cibernéticos. Essa argumentação foi apresentada pelo professor da Universidade de Nottingham, […]

147Shares
Continue lendo
William_alta 4

Forcepoint demonstra a segurança adaptável

A mesma lógica usada para proteger cartões de crédito está sendo adotada pelos fornecedores de soluções de segurança para proteger dados e informações de seus clientes. Na Forcepoint (sede em Austin, Texas, 20 anos em operação, 20 mil clientes no mundo inteiro), essa lógica ganhou o nome de Risk Adaptive Protection e seu objetivo é […]

8Shares
Continue lendo